Destaque, Notícias › 10/11/2014

Dom Odilo preside celebração no Pari

DSC_0185Neste domingo, dia 9 de novembro, a Igreja celebrou a festa da Dedicação da Basílica de Latrão. Este também foi o dia escolhido por Dom Odilo Pedro Scherer para visitar a Paróquia Santo Antônio do Pari, “sua vizinha”, segundo palavras do Cardeal, que mora próximo ao Mosteiro da Luz.

A data marcaria a celebração do Crisma, que foi cancelado pela paróquia por razões pastorais. Mesmo com o cancelamento, o Cardeal de São Paulo quis presidir a celebração das 19 horas. A notícia foi recebida com grande entusiasmo pela fraternidade, pastorais e demais membros da comunidade.  A Região Sé, onde está situada a paróquia, está temporariamente sem bispo auxiliar, desde a nomeação de Dom Tarcísio Scaramussa para a Diocese de Santos.

DSC_0221Esta é a terceira vez de Dom Odilo no Pari. A primeira foi em dezembro de 2007, por ocasião da sagração do novo altar e das vias-sacras, destruídas parcialmente no incêndio de 2006. A segunda celebração presidida por Dom Odilo na paróquia aconteceu em março de 2012, na ordenação presbiteral de Frei Leonardo Aureliano, e ordenação diaconal de Frei João Francisco Guimarães.

A celebração teve início às 19 horas, com a procissão de entrada que reuniu os membros dos movimentos e pastorais e da Capela Nossa Senhora Aparecida, que traziam cartazes e símbolos representando seus grupos. A missa foi concelebrada pelo pároco, Frei Adriano Freixo, pelo vigário, Frei Carlos Nunes, por Frei José Francisco e Frei Anacleto Gapski.

DSC_0198Ao início da celebração, Dom Odilo saudou os presentes e agradeceu pela oportunidade de celebrar esta importante festa da Igreja na comunidade. Alegrou-se ao ver a presença de jovens e crianças, e ressaltou que este fato diz muito sobre o futuro da comunidade, presença viva e ativa no bairro do Pari. O cardeal pediu ainda para que todos estivessem em comunhão com tantos cristãos perseguidos no mundo.

Em sua homilia, Dom Odilo comentou as leituras do dia e a festa celebrada neste domingo, Festa da Dedicação da Basílica de Latrão.

O cardeal ressaltou que a festa celebrada é de toda a Igreja, que pertence a Jesus Cristo, e que apesar dos pecados e defeitos, cada um de nós é parte desta mesma Igreja. “Há toda uma simbologia que nos fala da realidade da Igreja através desta festa. A Basílica de Latrão é a Catedral de Roma, logo, Catedral do Papa, é uma das igrejas mais antigas da cristandade. Estando ali a cátedra do Bispo de Roma, ela nos recorda do magistério do Papa, aquele que deve nos confirmar na fé, nos confirmar nos caminhos de Jesus Cristo. E a partir desta igreja, existem também todas as igrejas catedrais”, explicou Dom Odilo.

DSC_0206Dom Odilo falou ainda sobre o ministério dos bispos, e que, unidos à eles estão os padres, e unidos aos padres está todo o povo de Deus. O cardeal destacou ainda as leituras propostas para esta festa. “Elas nos falam da realidade da Igreja de Cristo”, afirmou.

“O Evangelho (cf. Jo 2, 13-22) completa a simbologia do profeta Ezequiel (cf. Ez 47,1-2.8-9.12). Jesus, Filho de Deus no meio dos homens, na sua santa humanidade, é templo de Deus no meio dos homens. E quem quiser beber da água da vida deve se aproximar de Jesus”, acrescentou Dom Odilo.

O cardeal encerrou sua homilia pedindo a intercessão do padroeiro Santo Antônio, exemplo e estímulo de vida cristã para todos.

Confira aqui a galeria de fotos da celebração

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com