Notícias › 23/04/2019

Paroquianos encenam a Paixão de Jesus

Na sexta-feira da Paixão, 19 de abril, um grupo de paroquianos se reuniu para apresentar a encenação da Paixão de Cristo para a comunidade. Confira abaixo o depoimento do jovem Willian Chaves Pereira:

Semanas antes da Páscoa, recebo um convite para participar da encenação da Paixão de Cristo na Paróquia de Santo Antônio do Pari. Mesmo com receio, aceitei o convite para fazer um personagem. Estava ansioso, pois nunca tinha participado de algo assim, mas não sabia que a partir daquele momento sentiria muitas emoções.

Meu personagem a princípio seria José de Arimatéia, que ajuda na retirada de Jesus da cruz para colocá-lo nos braços de sua mãe, Maria. No decorrer dos ensaios fui ganhando mais confiança em desenvolver meu papel e, com isso, recebo outro convite, para interpretar também o personagem Judas Iscariotes. Uma grande responsabilidade interpretar os dois porém, sem medo aceitei o convite e me dediquei ainda mais para que tudo saísse nos conformes.

Dia 19 de abril de 2019, dia da encenação. Enquanto todos chegavam à igreja, estávamos nos preparando nos bastidores, minutos antes de começar já sentia um enorme “frio” na barriga, ansioso por nunca ter feito isso, mas mantive o controle e entramos em cena. Na minha primeira participação sento-me ao lado dos discípulos para a ceia, naquele momento já começava os arrepios pelo corpo, e antes da minha fala, estava imaginando em como foi realmente tudo isso para Jesus naquela época. A emoção estava em mim o tempo todo ao ver tudo o que Jesus passou, ainda mais por “minha causa”, o Judas, por ter entregue Jesus em troca de 30 moedas de pratas.

No meu segundo personagem, José de Arimatéia, além do arrepio também me vinha a vontade de chorar ao ver Jesus na Cruz, eu iria ajudar a retirá-lo, ter em meus braços Jesus, que morreu por todos nós. Saímos para a procissão e, durante o caminho, quando carregava a cruz, refletia tudo que vivi nesses dias de ensaio e encenação. Aceitar aquele convite me fez conhecer novos amigos, pessoas incríveis que se dedicaram para que tudo desse certo, aproximou-me ainda mais da Palavra de Deus, senti emoções e saí com a sensação de dever cumprido, onde tenho certeza que muitos sentiram e viram o quanto Jesus sofreu por todos nós.

Muito obrigado a todos! Paz e Bem.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com